sábado, 31 de outubro de 2009

LEMBRANÇAS


Nas poesias que escrevo
eu descrevo os sentimentos
eu relembro dos momentos
e refaço as estradas
que andei por seu amor
lembro da dor
lembro de todas as ciladas
que o destino me pregou
lembro da vez
que enfatizou que me amava
eu lembro que cantava
quando estava ao seu lado
lembro
de sofrer calado

de estar apaixonado
lembro
de uma recado

numa pagina amassada
e rasgada da agenda
lembro de toda sedução
e da razão
concedendo seu espaço
a emoção
lembro das noites de prazer
do seu poder
e do seu nome
que consome minha alma
quando lembro do sorriso
e dos gestos dos seus lábios
só não lembro do olhar
que conseguiu me apaixonar .


CLUDIO F. SANTOS

4 comentários:

vera lucia lopes alencar disse...

...Olá Amigo ...esta tudo muito tudo...maravilhoso...uma poesias mais lindo do que a outra...continue sempre motivado cheio de sentimentos.se não o tivesse não teria inspirações para escrever...passando para te desejar um ótimo final de semana.
http://www.youtube.com/watch?v=c6qgfCXmVnI&feature=related
Fica com Deus.

andrea pasquarelli disse...

estou encantada com essa poesia...
vc me surpreendre cada dia mais!!!
te adoro...bjss

elisete disse...

como sempre voce arrasa nas poesias muito linda ...

Elis... disse...

Linda poesia, como sempre vc encantando e conquistando as pessoas através do seu lindo dom...
Parabéns!!!
Felicidades e sucesso sempre!!!
Bjos!!!