quarta-feira, 2 de dezembro de 2009

PROCURAR EM VÃO

Eu tentei no meu passado
dar sentido exagerado
a minha vida
eu buscava o impossível
e a cada escolha errada
me sentia derrotada
mas ainda devotada
a não ser uma insensível
eu lutava
e a cada tombo que caia
novamente levantava
e reerguia a cabeça
desejando uma peça
que faltava
e que estava esperando
pra poder ser encontrada
vindo a cada madrugada
em meu sono mais profundo
numa estrada abandonada
a imagem bem ao fundo
de um homem no escuro
sobre um muro
esperando que o destino
me guiasse ate lá
para então eu enxergar
que para amar
não é preciso procurar
só bastava esperar
o meu momento
pro sincero sentimento
me encontrar.

CLAUDIO F SANTOS

4 comentários:

belkmodel disse...

cara tá show, parabens muitos lindas as messagens.... parabens.

Drika disse...

Quanta sensibilidade em escrever. Saiba que me encheu a alma de alegria e serenidade! Te desejo sucesso, sorte e muita paz! Parabens pelo seu talento abençoado! beijos

Drika

KaT disse...

Olá,
sou estudante de letras e estamos sempre procurando textos e poesias de autores ainda desconhecidos. Me interessei pelo sorteio do seu livro e espero concorrer.
ps: Vc tem talento, adoraria analisar suas poesias em sala.

Karen

KaT disse...

olá,
sou estudante de letras e estamos sempre em busca de autores ainda desconhecidos no Brasil.
Me interessei muito pelo sorteio do seu livro e gostaria de concorrer se possível.

abs

Karen